Natação convencional de São Carlos leva primeira medalha nos Abertos

Gabriel Mattos Ferretti ficou com a prata ao lado do favorito Felipe França, que levou ouro

 

Foi a primeira vez que a natação convencional de São Carlos subiu ao pódio nesta edição dos Jogos Abertos do Interior ‘Horácio Baby Barioni’. A conquista foi na manhã desta sexta-feira (16) e valeu a espera, afinal Gabriel Mattos Ferreti, de 17 anos, ficou com a medalha de prata nos 200 metros peito, ao lado do grande campeão Felipe França, atleta da seleção brasileira, hepta mundial e tetra panamericano, e que, nos Jogos Abertos, representa a cidade de Santos.

“Fiquei muito feliz com esse resultado porque foi uma competição de alto nível. Conseguir subir no pódio já é uma conquista, principalmente em segundo lugar ao lado do Felipe França”, comemorou Gabriel. Já o técnico Luis Fabiano Ferrari disse que o resultado foi excelente para São Carlos. “Um pódio desse, com uma foto histórica ao lado do França, é uma satisfação imensa. Eu fico enaltecido por ter podido presenciar esse grande momento”.

O feito até poderia ter sido maior se ontem Gabriel Mattos Ferretti (imagem acima) tivesse disputado as provas que são a especialidade dele: 50 e 100 metros peito. Não esteve presente porque  fazia o vestibular da Vunesp.

Felipe França, ao fazer um balanço dos Jogos Abertos aqui em São Carlos, disse que o fato de ser no Sesi já é muito bom, porque a infra e superestruturas naturais são formidáveis. “Como eu já participei de vários Abertos e Regionais, também sei exatamente a importância que eles têm para o amadurecimento e aperfeiçoamento dos atletas. O nível técnico está muito bom, crescendo, e é preciso continuar investindo para que os atletas e comissões técnicas possam, no futuro, pensar em uma Olimpíada, Panamericano e Mundial”.

Felipe França foi o dono da prova dos 200m nado peito na piscina do Sesi São Carlos

Outro grande nadador internacional presente nos Jogos Abertos de São Carlos é Nicholas Santos

Kabarett mit the ghostwriter stream english k siebzig jahre groe kleinkunst.

Fotos